“Perdi meu emprego em plena pandemia. E agora?”

Perder o emprego é sempre uma experiência estressante. Durante uma pandemia, então, é ainda mais importante manter a calma e a situação sob controle, já que pode se tornar difícil fazer milagre com as suas finanças. Se você é um dos milhões de brasileiro que estão nessa situação devido ao surto de coronavírus, existem recursos que você pode aproveitar até poder trabalhar novamente. “Sempre afirmo que é com os tombos que aprendemos a andar. Por isso, é hora de buscar uma reestruturação financeira, para atravessar esse período e, posteriormente, estar prevenido para imprevistos”, explica o presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (ABEFIN), Reinaldo Domingos.

 

O que fazer se você perdeu o emprego

 

Descubra se você pode receber o auxílio emergencial do governo 

Este é um momento extremamente difícil para todos os brasileiros, principalmente para aqueles que tiveram o seu ganha pão afetado diretamente pela pandemia. Por isso, o governo brasileiro instituiu o auxílio emergencial de R$ 600,00 a trabalhadores informais e de baixa renda, microempreendedores individuais e também contribuintes individuais do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Segundo dados oficiais, 59 milhões de brasileiros já foram aprovados para receber o auxílio. Visite o site da Caixa Econômica para obter mais informações e veja como se inscrever.

Revise o orçamento e tente reduzir as despesas

Se você ainda não fez um orçamento, agora é um bom momento. Examine suas despesas mensais e encontre maneiras de reduzir suas despesas. Você precisará continuar pagando contas como serviços públicos e mantimentos, mas outras despesas adicionais, aquelas não cruciais para a sobrevivência de você ou de sua família – assinatura de serviços de streaming, por exemplo – podem ser cortadas enquanto o desemprego durar. “Desde cafezinho até parcela da casa própria, nada deve passar despercebido. Em caso de dívidas e parcelamentos, esses devem ser também somados”, sugere Domingos. Se necessário, conte com a ajuda de planilhas e aplicativos financeiros para calcular melhor os gastos. 

Veja as ofertas de emprego

Mesmo com essa situação, existem empresas que estão contratando. Comece a procurar um novo emprego, veja o que está disponível tanto na sua área quanto em outras relacionadas. Caso seja necessário, atualize o seu currículo. Se não houver muita demanda para o que você faz atualmente, talvez seja necessário aprender algumas novas habilidades que estão sendo procuradas. Isso não significa que você precise voltar para a faculdade ou gastar muito dinheiro. Existem muitos sites gratuitos ou de baixo custo que ensinam novas habilidades como Senac e Udemy. “Lembre-se de que as oportunidades geralmente aparecem para quem está atrás delas. Esqueça o desânimo, levante a cabeça e olhe para o futuro e não se esqueça de sonhar”, complementa Domingos.


Publicidade

Publicidade

Publicidade