Capacitação de graça!

Cursos gratuitos ensinam habilidades técnicas e comportamentais, contribuindo para que jovens, adultos, pessoas com deficiência e idosos estejam mais bem preparados para buscar uma oportunidade.

Buscar uma oportunidade de emprego no Brasil não tem sido fácil, principalmente na crise, quando sobram profissionais e faltam oportunidades de trabalho. 

Como resultado desse cenário, mais de 13 milhões de desempregados buscam vaga em um mercado que dificilmente dá chance aos menos qualificados. É aí que ganha peso a busca por programas gratuitos de capacitação, como o oferecido pelo Instituto da Oportunidade Social (IOS), que está com inscrições abertas para jovens, entre 15 e 24 anos, e pessoas com deficiência, que estejam cursando ou concluíram o ensino médio.
Serão 1.135 vagas distribuídas entre as seis unidades na Grande São Paulo e os candidatos podem optar pelas áreas de Administração: Gestão Empresarial (ERP-TOTVS), Atendimento ao Cliente (Zendesk), Gestão de Projetos, Folha de Pagamento (RM Labore), Varejo (Bemacash) e Tecnologia (Programação, Infraestrutura, Microsoft Digital e Microsoft Azure).
Para Alecsandra Neri, gestora operacional do IOS, a capacitação permite também a aquisição de habilidades comportamentais valorizadas pelas organizações. “A empregabilidade não é uma garantia, mas quando alcançada, transforma a vida desses alunos.”
É o que aconteceu com Ana Beatriz Valentim, 21 anos. Ela fez dois cursos no IOS (Gestão Empresarial – ERP/TOTVS e Infraestrutura em Redes) e o aprendizado foi fundamental para conquistar o seu primeiro emprego como assistente de operações em uma empresa de tecnologia. “A própria organização relatou que a minha aprovação se deu não só pelo conhecimento, mas pela postura diferenciada”, alega.
Permitir uma melhor empregabilidade de jovens e adultos no mercado é também o propósito da Colmeia, que inscreve para o curso de Assistente Administrativo com ênfase em Tecnologia ou Atendimento. São 90 vagas para candidatos entre 15 e 29 anos,  que estejam cursando no mínimo o segundo ano ou tenham concluído o ensino médio. Após cadastro no site, os alunos participam de uma palestra, para conhecer a estrutura da Colmeia, conteúdo do curso e suas responsabilidades perante à instituição.
De acordo com Gisleine Rosário, analista de recrutamento e seleção do Depto. de Desenvolvimento e Parceria da Colmeia, a capacitação valoriza características, como a proatividade, comunicação e trabalho em equipe. “Além disso, é o aperfeiçoamento contínuo que vai diferenciar os alunos dos concorrentes e ajudá-los a entrar no mercado de trabalho”, afirma.
Simone Severina de Lima Soares, 26 anos, sabe bem do que fala Gisleine. Ela fez o curso de Assistente Administrativo com ênfase em Tecnologia e quer continuar os estudos na área de Veterinária. “Na Colmeia, tive orientação vocacional e desenvolvi a autoconfiança. Vou ingressar nesta área e, com o conhecimento adquirido sobre empreendedorismo, quero abrir um negócio próprio neste segmento.”
Outra opção para se qualificar é o Programa Formare, da Fundação Iochpe, que há mais de 30 anos, oferece cursos profissionalizantes gratuitos para jovens que estão concluindo ou sejam recém-formados no ensino médio. “Os caminhos que levam à capacitação são essenciais para inserção no mercado de trabalho e obtenção de uma melhor remuneração”, diz Beth Callia, coordenadora-geral do programa, realizado em parceria com 46 empresas em 14 estados brasileiros.
Idosos
Entretanto, a necessidade de capacitação não está atrelada apenas à juventude. O Instituto Eurofarma, por exemplo, já atendeu 93 idosos no curso Resíduos em Utilidades. Por meio dele, pessoas com idade a partir dos 60 anos reaproveitam embalagens, como garrafas pet, para confecção de bolsas, carteiras e porta-retratos.
Além de minimizar o impacto ambiental, o curso serve para aumentar a autoestima dos participantes e contribui para a obtenção de uma renda extra. Caso de Aládio Barreto de Almeida, 70 anos. Ele se aposentou há 15 anos, mas continuou exercendo a função de açougueiro até 2014. Então, viu no curso uma oportunidade de realizar outra atividade que gerasse renda para a família. “Sou muito ativo e gosto de aprender sempre”, diz ele.  
________________________
Onde se capacitar 
IOS – Site ios.org.br ou telefone 
(11) 2503-2617.
Colmeia – Site www.colmeia.org.br ou telefone (11) 3881-1545. 

Instituto Eurofarma – Site www.institutoeurofarma.com.br/cursos ou telefone 5546-1337 (com Cristiane).

Formare – Site http://formare.org.br/nossos-parceiros

Alunos do programa Formare comemoram formatura


Publicidade

Publicidade

Publicidade