Melhore a comunicação em três passos

Seja durante uma entrevista de emprego ou no seu dia a dia profissional, procurar formas de melhorar a comunicação é sempre algo bem-vindo. Até porque ela tem um impacto direto nas pessoas que estão ao seu redor, independentemente do ambiente no qual você está inserido. Nesse sentido, note que a comunicação não é apenas aquilo que é dito, mas também a maneira como é dito. Veja a seguir as nossas dicas de como você pode melhorar a comunicação. Afinal, ela é a base para qualquer relacionamento bem-sucedido, tanto pessoal quanto profissional. 

 

Passos para treinar e melhorar a comunicação

 

1. Olhe nos olhos das pessoas

O seu temperamento, ou seja, se você é mais introvertido ou extrovertido, vai determinar a dificuldade desse passo. Olhar a outra pessoa nos olhos durante uma conversa melhora a imagem que você está enviando e fortalece o seu discurso. Sendo assim, você será mais persuasivo e poderá interpretar mais facilmente as emoções. Quando as pessoas não conseguem enfrentar o outro, pode parecer que estão se esquivando ou tentando esconder alguma coisa. Por outro lado, muito contato visual pode parecer confuso ou intimidador. A dica aqui é saber dosar e achar o equilíbrio. 

 

2. Preste atenção no seu tom de voz 

O tom e o ritmo da sua voz revelam um mundo de informações. Eles pode sugerir julgamento, impaciência ou até mesmo frustração. Então você tem que ter cuidado ao conversar com os outros. A maneira como algo é dito determina o significado das suas palavras. Muitas vezes, é melhor comunicar a sua frustração para a outra pessoa verbalmente do que ela sentir isso na sua voz. Preste atenção em como os outros respondem a você e tente ajustar o seu tom para transmitir corretamente o que você deseja transmitir. 

 

3. Não deixe de fazer perguntas

Em uma conversa, o nosso cérebro tem uma tendência natural a buscar respostas e a não se concentrar tanto assim no que realmente está sendo dito. Sim, é normal ao ouvir uma história você se encontrar perdidos nos próprios pensamentos e lembrando de fatos que aconteceram consigo. Porém, essa é uma tendência que deve ser evitada. Procure combater essa tendência natural tentando encontrar o maior número possível de perguntas para a pessoa que você está ouvindo. A esse processo é dado o nome de “escuta ativa”. 

Não tenha medo de fazer perguntas, principalmente se algo parecer confuso. Isso mostra que você está interessado e que procura atender melhor às necessidades da outra pessoa. Uma boa ideia é mostrar a sua interpretação do que foi dito e pedir esclarecimentos. Por exemplo, “Então, o que você está dizendo é que…”.

 

As pessoas podem comunicar informações de diferentes maneiras. Sendo assim, fique de olho em coisas como contato visual, voz, gestos, postura e movimentos corporais. Todos esses sinais podem transmitir informações importantes que não são expressas. 

Fique atento, treine e não se esqueça de conferir as vagas que estão abertas aqui no Amarelinho!


Publicidade

Publicidade

Publicidade