20 mil vagas abertas para cursos de qualificação profissional

23 de março de 2021

Escrito por: Gestão Portal o Amarelinho

Entre os meses de março e abril, o Governo de São Paulo vai disponibilizar 20 mil vagas em cursos de qualificação profissional. Para 3400 delas, as inscrições já estão abertas e podem ser realizadas no site do Via Rápida. São 74 municípios contemplados nessa primeira fase nas seguintes regiões: Araçatuba, Campinas, Franca, Itapeva, Marilia, Presidente Prudente, Região Central, Região Metropolitana de São Paulo, Registro, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos e Sorocaba. As inscrições para as novas vagas estão previstas para iniciar nos dias 17 de março e 15 de abril, com prazo de inscrições até 29 de março e 27 de abril, respectivamente.

Todos os cursos são gratuitos e contam com bolsa-auxílio de R$ 210 em diversas áreas. Além disso, são de curta duração e com opções de aulas ao vivo, no modelo de Ensino à Distância (EAD). Para se inscrever é necessário ter idade mínima de 16 anos, ser alfabetizado e domiciliado no Estado de São Paulo. Contudo, se o número de inscritos for superior, serão priorizadas as pessoas desempregadas, com baixa renda e com deficiência. 

Mais detalhes sobre a qualificação gratuita

A convocação dos candidatos selecionados ocorrerá por e-mail. A princípio, as aulas das primeiras turmas estão previstas para o final do mês de março. O início das aulas das turmas presenciais está condicionado à evolução para as fases do Plano São Paulo nas respectivas regiões. Para receber o certificado, o aluno deve ter ao menos 75% de presença nas aulas. 

A primeira etapa de turmas inclui cursos em áreas como gestão, vendas, tecnologia, gastronomia e setor têxtil. Entre as oportunidades, assistente administrativo, técnica de vendas, auxiliar de logística e corte e costura são as que reúnem o maior número de vagas. 

Sobre a Bolsa-Auxílio

Aqueles que se matricularem nos cursos de qualificação do programa Via Rápida receberão uma bolsa única de R$ 210 para ajuda em suas despesas durante a realização do curso. Entretanto, é necessário que o aluno cumpra os requisitos estabelecidos. Entre eles: estar desempregado e frequentar os 10 dias de curso e não estar recebendo seguro-desemprego ou outros auxílios da Secretaria de Desenvolvimento Econômico. 

O pagamento será feito por meio de código bancário, que o estudante usará para sacar em caixas eletrônicos do Banco do Brasil e da Rede 24 horas. O recurso valerá também para os cursos de 60 a 160 horas do SP Tech e SP Criativo. Ademais, ele fica disponível por 30 dias após a comunicação oficial por e-mail de que o valor está disponível. Até o final de 2021, serão ofertadas 30 mil vagas de qualificação profissional com bolsa-auxílio.

Compartilhe esta notícia nas redes sociais

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Publicidade ba

Mais conteúdos sobre ,

Outros conteúdos que você pode gostar

NO AMARELINHO VOCÊ CONSEGUE CONTATO DIRETO COM O EMPREGADOR.

Últimas Notícias