Sua personalidade pode guiar sua vocação

Personalidade é “o conjunto de características psicológicas que determinam os padrões de pensar, sentir e agir”. E, lógico, essa individualidade pessoal e social também tem relação com a escolha da profissão.

 

Muitos termos estão associados ao mundo do trabalho: carreira, salário, cargo, desenvolvimento, objetivos são apenas alguns deles. Mas e a vocação profissional? Mesmo que você já tenha identificado suas qualidades e defeitos, isso não basta para saber em qual profissão é possível aproveitar ao máximo todo o seu potencial. 

 

Além dos testes vocacionais, os testes de personalidade também fazem sucesso no momento de descobrir qual carreira seguir. Apesar de serem testes generalistas, procuram avaliar as principais dimensões psicológicas de cada indivíduo. Comportamento no trabalho, relações interpessoais, gerenciamento de estresse, aptidões…todas essas facetas podem ser reveladas e avaliadas por esses testes. 

 

Os recrutadores costumam usá-los principalmente para avaliar a adequação do candidato ao cargo proposto e se ele atende às expectativas da empresa. Também é uma ótima maneira de identificar aspectos da personalidade do candidato que não foram abordados durante a entrevista de emprego. Porém jamais deve ser um fator decisivo para a contratação. O papel de qualquer teste de personalidade é atuar como um complemento para o recrutador. Por isso, é fundamental saber usá-lo bem e, sobretudo, no momento certo.

 

Teste MBTI: conheça o mais famoso teste de personalidade

 

O teste MBTI é um dos mais populares no mundo. O termo é a sigla para Myers Briggs Types-Indicator, ou, em português, a classificação tipológica de Myers Briggs. Foi desenvolvido por Katharine Cook Briggs e sua filha Isabel Briggs Myers durante a Segunda Guerra Mundial, e é baseado nas teorias de Carol G. Jung sobre Tipos Psicológicos. 

 

Com duração média de 16 minutos, o teste aborda questões como “Você acha difícil se apresentar para pessoas?” e “Você se considera mais prático do que criativo”. É preciso responder com a maior sinceridade possível e escolher qual se aproxima mais da sua realidade, marcando entre “concordo totalmente” até “discordo totalmente”.

 

O MBTI identifica se a personalidade de um funcionário se inclina para uma das duas tendências nos seguintes agrupamentos: “Extroversão vs. Introversão”, “Intuição vs. Sensação”, “Pensamento vs. Sentimento” e “Julgamento vs. Percepção”. Como resultado, tem-se um dos 16 tipos de personalidade, composto por um conjunto de 4 letras, e em quais profissões você pode se sair melhor.

 

Para descobrir qual é o seu, você pode realizar gratuitamente o teste neste link. E, após descobrir mais sobre você e como maximizar seus pontos fortes, confira as vagas que estão abertas aqui no site. 

 

Até a próxima!


Publicidade

Publicidade

Publicidade