Aprenda a usar redes sociais na procura por um emprego

Gestão Portal o Amarelinho

, Empregos

Hoje, cada vez mais empresas usam as redes sociais para buscar novos talentos, com a publicação de diversos anúncios de emprego todos os dias. Porém, as redes não funcionam apenas como um catálogo de vagas. Elas permitem que você se mantenha informado e desenvolva sua própria rede de contatos. Sendo assim, fica muito mais fácil acompanhar as novidades na sua área profissional, notícias relacionadas a ela e, claro, o rápido acesso a ofertas de emprego que correspondem ao seu perfil e às suas expectativas.

 

Redes sociais se transformaram em canais de atração e recrutamento de diferentes perfis. Por meio deles, é possível obter informações valiosas e de qualidade sobre cada candidato. Dessa forma, é possível dizer que os recrutadores estão, sim, interessados também no seu estilo de vida. Este, inclusive, pode ser um elemento complementar e decisivo ao fazer sua escolha entre os candidatos. 

 

O estudante de jornalismo Jonathan Sousa que o diga. Aos 22 anos, ele viu a vida mudar ao contar a sua história em uma postagem no LinkedIn. Trabalhando como atendente júnior em uma rede de supermercados, ele disse sonhar com uma oportunidade no jornalismo, já que cursa o último ano da faculdade. “Eu pensei: ‘será que com a foto, contando um pouco da minha história e realmente o que eu estou passando nesse momento, eu consigo chamar a atenção das pessoas, e acabe aparecendo a minha oportunidade?’ Foi basicamente assim que aconteceu”, contou o estudante. Deu certo. O post de Jonathan no LinkedIn teve mais de 30 mil interações e 1.000 comentários. Depois de receber duas ofertas de emprego, agora Jonathan é estagiário do núcleo de jornalismo investigativo da TV Record.

 

Conselhos para usar as redes sociais

Atualize seu perfil regularmente

Você criou seu perfil, indicou suas habilidades e descreveu seu histórico. Isso é bom, mas não é o suficiente. Você deve atualizá-lo de forma constante. A manutenção do seu perfil permite que você se beneficie de um fator muito importante nas redes sociais: visibilidade. São os perfis atualizados com mais frequência os que aparecem entre os primeiros resultados ao utilizar os mecanismos de pesquisa. Porém, faça uma boa distinção entre o que é profissional e pessoal. Não misture as coisas.

 

Pesquise sobre novas empresas

Descubra novas empresas que você não sabia que existiam até agora. Isso é possível graças, principalmente, aos comentários dos funcionários ou às publicações da empresa nas redes sociais. Se você estiver interessado em uma empresa, não hesite em enviar uma breve mensagem ou interagir com ela por meio das redes sociais.

 

Crie sua rede de contatos

Depois de criar um bom perfil, você pode expandir sua rede muito rapidamente. Isso vai de familiares a ex-chefe e colegas de escola. Todos podem compartilhar que você está procurando emprego e, melhor ainda, qual trabalho você está procurando. Entretanto, nada impede que você também entre em contato com o RH de uma empresa onde gostaria de trabalhar. E lembre-se: construir sua rede profissional,  por meio de redes sociais, quando você não está procurando um emprego específico, também é um ponto forte, pois facilita o contato com as pessoas importantes em seu setor.

 

Agora é atualizar o seu status e continuar a busca por um emprego. Deixe em evidência para os seus contatos o que você procura e não se esqueça de dar uma olhada nas vagas disponíveis aqui no Amarelinho.


Publicidade

Publicidade

Publicidade