Setor industrial pode ampliar número de vagas

Kazuhiro Kurita

, Empregos

Para José Ricardo Roriz, segundo vice-presidente da Fiesp, a perspectiva é de confiança do empresariado.

Apesar do resultado negativo em 2018, quando a indústria paulista fechou 38,5 mil postos de trabalho, a expectativa da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) é do setor abrir mais de 10 mil vagas neste ano. A baixa já era esperada pelos industriais, com o fraco desempenho da economia no segundo semestre.

Para o segundo vice-presidente da Fiesp, José Ricardo Roriz, houve uma confirmação de um ano de baixa na indústria paulista. “Fechamos dentro do previsto, nada diferente do que havíamos analisado ao longo do ano, mas agora temos otimismo. A confiança do empresário aumentou muito. Possivelmente, em 2019, vamos ampliar em 10 mil os postos de trabalho na indústria paulista. Nas nossas previsões, o crescimento do PIB deve ser de 2,5%. A perspectiva do empresário é de confiança, de um ano melhor”, diz.

Para que se concretize o cenário positivo, um dos fatores necessário é a redução da inatividade na indústria. “A ociosidade hoje é muito grande na indústria paulista, algo em torno de 30% a 35%. Assim que ela começar a ser reduzida, vai trazer junto a alta na geração do emprego. Em um primeiro momento, máquinas e equipamentos parados voltarão a funcionar. Em seguida, as empresas vão desengavetar seus projetos e investimentos. O investimento virá bem forte, já que este é o motor do emprego”, avalia ele, lembrando que o setor automobilístico foi um dos que teve melhor desempenho em 2018 e deve ajudar a gerar vagas.


Publicidade

Publicidade

Publicidade