Construir uma rede não é da noite para o dia

4 de fevereiro de 2019

Escrito por: Kazuhiro Kurita

O professor Liao Yu Chie diz que o networking presencial ainda é mais eficiente.

Mais do que tomar café com um amigo ou participar de eventos com desconhecidos, networking é uma atividade individual para desenvolver e manter relacionamentos com outros que tenham o potencial de ajudá-lo em seu trabalho ou carreira. “Os benefícios, porém, devem ser para os dois lados”, diz o professor da Fundação Vanzolini, Liao Yu Chie.

O professor lembra que criar relacionamentos não acontece de uma hora para outra, pois é preciso construir confiança, que é conquistada por meio das ações e atitudes íntegras e transparentes. “Tudo isso é possível por meio de contatos diretos ou online, mas diretamente ainda é mais eficaz. Confiar em alguém que você nunca viu também é perfeitamente possível, só que requer mais esforços da outra parte”, ensina.

Segundo Liao, é importante saber dividir o networking em três etapas: construir, manter e usar contatos. Assim, a pessoa deve aceitar convites para ajudar a organizar eventos relacionados ao seu ramo de atuação, enviar material de interesse para conhecidos de outras empresas e trocar dicas profissionais com colegas de outras organizações ou pedir indicações de emprego.

Para o professor, esta divisão é importante se quisermos ser eficientes. “Alguns profissionais nutrem apenas uma ou duas etapas, esquecendo as demais. Um exemplo é quando almoçam sempre com os mesmos colegas de trabalho, focando apenas em manter contatos já estabelecidos”, alerta.

Compartilhe esta notícia nas redes sociais

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Publicidade ba

Mais conteúdos sobre

Outros conteúdos que você pode gostar

NO AMARELINHO VOCÊ CONSEGUE CONTATO DIRETO COM O EMPREGADOR.

Últimas Notícias